Para um uso saudável do smartphone, 5 dicas

Para um uso saudável do smartphone, 5 dicas. No metro, nos restaurantes, na rua… utilizamos o telemóvel em todo o lado. O smartphone está tão integrado no nosso dia-a-dia que se apresenta quase como uma extensão do nosso braço. Todos nós já sentimos isso, e nós também. Com um site e suas redes sociais, instagram, facebook etc temos uma ligação muito dependente com o smartphone.

Já não conseguimos ver a vida sem a comodidade de termos toda a nossa informação concentrada num único dispositivo, assim como sem aceder à diversão que as aplicações disponibilizam. Se fica em pânico de cada vez que o smartphone fica sem bateria, se tem insónias ou precisa de tocar no ecrã a cada dois minutos, não deixe de ler as recomendações da Neffos sobre hábitos saudáveis para uma utilização responsável do telefone móvel:

Problemas de sono ou fatiga ocular.

Durante uma hora depois de acordar, não é conveniente ver emails, mensagens de SMS ou posts de redes sociais – a não ser que seja absolutamente inevitável. E uma hora antes de deitar, convém desligar todos os dispositivos como portátil e tablet para deixar que os olhos descansem da luz dos ecrãs. Ler um livro, escrever ou passear são atividades que ajudam a desligar a mente das atividades quotidianas e a melhorar a qualidade do sono. Para isso, é ainda recomendável ativar o modo noturno ou modo de avião no smartphone para que este não receba notificações durante a noite e para que o utilizador consiga relaxar e descansar.

Vida social sem telemóvel.

O filme Perfeitos Desconhecidos fez deste cenário algo popular, mas a verdade é que é uma prática comum em reuniões de amigos. Coloque todos os telemóveis no centro da mesa. Quem pegar no equipamento primeiro, paga a conta. É um detalhe que permite que nos concentremos no momento e nos nossos amigos, com quem partilhamos boas conversas e horas divertidas.

Nova localização para o dispositivo.

O ideal é estabelecer um lugar permanente para o smartphone, à vista e ao alcance, mas que impeça que ande sempre com ele por perto. Esta medida reduz a sensação de dependência, assim como a necessidade de verificar periodicamente o equipamento.

Personalize as notificações.

Estabelecer um som diferente para cada tipo de mensagem permite definir diferentes urgências. Com esta ação, é possível diferenciar temas de trabalho de pessoais ou destacar assuntos urgentes, e evitar assim a necessidade de verificar o ecrã a cada notificação nova.

Meditação.

Para evitar o tecnostress que afeta tantos utilizadores, convém esvaziar a mente e relaxar de vez em quando. Descontrair, respirar, ouvir música tranquila e estabelecer uma ligação entre o corpo e a mente é uma prática saudável que nos ajuda a centrarmo-nos no momento e lugar onde estamos. Além disso, criar uma rotina com este exercício liberta a tensão que acumulamos durante o dia.