Uma nova pilsner no mercado das cervejas nacionais

Dois Corvos acaba de lançar a sua primeira pilsner e enviou-nos um kit de degustação para podermos experimentar. Especialmente desenvolvida para o mercado nacional, a Dois Corvos Prata Pilsner pretende alargar o universo de consumidores de cerveja artesanal em Portugal, apresentando-se como uma cerveja leve e de amargor moderado.
Com este lançamento, que marca a entrada da Dois Corvos neste estilo de cerveja, o portefólio de cervejas permanentes da marca atinge as 7 referências, mantendo em paralelo, a produção ocasional / sazonal de receitas específicas e edições especiais de cervejas envelhecidas em barricas.
Em homenagem ao local onde é produzida e que agora acolhe a premiada cervejeira – Braço de Prata – a primeira pilsner Dois Corvos adota o nome PRATA imortalizando a história do cavaleiro do século XVII que, regressado a Lisboa e após ter perdido um braço numa batalha, engendra um novo… feito em prata. “O nosso projeto nasceu em Marvila e é com muito orgulho que assistimos ao renascimento e revitalização desta zona da cidade.

A nova fábrica Dois Corvos em Braço de Prata consolida a nossa presença na freguesia e reforça a nossa aposta nesta zona que sempre nos acolheu tão bem” afirma Susana Cascais co-fundadora e gerente da Dois Corvos, acrescentando “estamos em Marvila desde que nascemos e para além do Tap Room (agora já com 17 torneiras), inaugurámos em Junho a nova fábrica que, prevemos, vai duplicar a nossa capacidade de produção. Viemos para ficar e para ajudar a continuar a fazer história nesta, agora emergente, zona da cidade”.
Disponível em garrafas de 33 cl, a Dois Corvos Prata Pilsner pode ser adquirida nos pontos de venda habituais (bares de especialidade, canal horeca e grandes superfícies) e no Tap Room Dois Corvos. À pressão a Dois Corvos Prata Pilsner está disponível no Tap Room (podendo também ser levada para casa em growlers de 1 ou 2 litros) e em restaurantes/bares/cafés selecionados de todo o país.

Temos de afirmar que o sabor da nova cerveja é delicado mas encorpado. Marca pela diferente sem ser uma bebida pesada. Tem o seu próprio estilo.

Quando em 2012 Susana Cascais e Scott Steffens (marido e mulher e co-fundadores da Dois Corvos) regressaram da América para Portugal encontraram uma das mais graves crises económicas do país e um mercado de cerveja artesanal quase inexistente em Lisboa.
Amantes de cerveja e experientes produtores, Susana e Scott, começaram a sentir falta da cerveja artesanal a que estavam habituados e, por mero prazer, começaram a fabricar cerveja em casa. Orgulhosos, partilhavam as suas cervejas com amigos e familiares e rapidamente perceberam que Portugal precisava de criar e impulsionar o mercado da cerveja artesanal.