Incentivos para o voluntariado continuado

Incentivos para o voluntariado continuado. Com o objectivo de desenvolver ações de formação e de sensibilização para um voluntariado de continuidade e sensibilizar diferentes entidades da economia social sobre a importância de potenciar o apoio voluntário, o PO ISE (Programa Operacional Inclusão Social e Emprego) anuncia a abertura de candidaturas de formação e sensibilização para um voluntariado de continuidade. São admitidas pessoas coletivas de direito público pertencentes à administração local.

As entidades deverão respeitar a estrutura e carga horária dos referenciais disponibilizados, podendo integrar conteúdos programáticos adicionais, devidamente direcionados para as características do público‐alvo a quem a formação se dirige. As ações de formação devem ser constituídas por um grupo mínimo de 10 formandos/as e máximo de 18 formandos/as.

As ações de sensibilização têm uma duração máxima de 12 horas por projeto e os encargos com a sua realização, desde que enquadrados nos custos gerais de formação, são elegíveis no âmbito da preparação, desenvolvimento e acompanhamento das ações de formação, com vista à melhoria do conhecimento na área do voluntariado.

Estas ações de formação e sensibilização, deverão ser definidas a partir de referenciais disponíveis no site da CASES – área de voluntariado, https://www.cases.pt/voluntariado/, e na Plataforma de Voluntariado Portugal Voluntário, em www.portugalvoluntario.pt

O período de apresentação de candidaturas decorre até o dia 4 de setembro, e podem ser efetuadas através da submissão de formulário eletrónico no Balcão do Portugal 2020 (Balcão 2020) em https://www.portugal2020.pt/Balcao2020/.

Sobre o PO ISE

O PO ISE (Programa Operacional Inclusão Social e Emprego) tem como missão apoiar ações que promovam uma maior inclusão social e melhor emprego em Portugal.