Almoço no dia da mãe, na Baixa de Lisboa

Almoço no dia da mãe? ontem, foi na Loja das Conservas, na rua da Assunção em plena Baixa Lisboeta. Numa artéria mais calma da zona, a esplanada foi um momento de celebração da mãe, que só há uma e a minha adora conservas!.

Um atendimento muito simpático levou-nos a experimentar um menu super delicioso. Começamos com croquetes de sardinha e tomate picante, passamos às deliciosas chamuças de atum e laranja, e, salientar as picas em molho bulhão pato (uma verdadeira delicia de babar), o bacalhau à Brás (sempre surpreendente) e, para finalizar, uma estupenda salada de choco com tinta. De referir que é algo novo, esta cozinha a partir de conservas! O almoço terminou, de uma forma doce, com uma torta de laranja sem par, e um abade de priscos memorável.

Morador na Baixa, fico contente por termos uma oferta turística com veracidade e qualidade, impulsionada pela Associação Nacional da Indústria Conserveira Portuguesa com a coragem de dois chefes jovens. O Chef André Palma, de 24 anos, é lisboeta e o Chef Tiago Neves, de 26 anos, nasceu na Anadia, Distrito de Aveiro. André Palma estudou dois anos Escola de Hotelaria do Estoril e um ano na Escola de Hotelaria de Lisboa. Passou por vários restaurantes de cozinha tradicional portuguesa em Lisboa, Estremoz e Palmela e descobriu o gosto pela cozinha com o seu pai. Tiago Neves conta com uma licenciatura em Restauração e Catering pelo Instituto Politécnico da Guarda. A cozinha surgiu-lhe como um desafio que acabou cumprir em diversos restaurantes de cozinha tradicional portuguesa como o Dux Petiscos, em Coimbra e Pedra Cancela, em Nelas. Tiago Neves estagiou ainda com o Chef Vitor Sobral.

Entre entradas, petiscos e sobremesas, foram criados cerca de 20 pratos em que o produto das conservas de peixe nacional é o ingrediente central. As propostas dos Chefs André Palma e Tiago Neves são ainda acompanhadas por uma carta de vinhos que visa a harmonização com os pratos do Restaurante da Loja das Conservas.

Em matéria de entradas e petiscos, poderão ser encontrados no Restaurante da Loja das Conservas confeções singulares como Croquete de Atum, Pastel de massa tenra com bacalhau e grão, Croquete de Sardinha e Tomate Picante ou, um dos ícones do espaço, a Chamuça de Atum com Caril.

A nível de pratos principais os Chefs André Palma e Tiago Neves apostaram em grandes estrelas da gastronomia nacional como o Bacalhau à Brás, a Massada de peixe, as Migas Alentejanas acompanhadas por Sardinha Picante e até mesmo as típicas Pataniscas de Bacalhau com Arroz de Feijão, todos confecionados com peixe em conserva. 

No que respeita a sobremesas, o Restaurante da Loja das Conservas conta com uma oferta clássica apimentada de inovação como a Mousse de queijo de Azeitão ou o Pudim Abade de Priscos, contudo, as conservas de peixe nacional também contam com uma especialidade doce, tendo sido criado um Doce da Casa – Semifrio de Cavala, uma invulgar sobremesa que promete surpreender os clientes do espaço.

Os novos restaurantes da Loja das Conservas estão abertos todos os dias. O Restaurante da Rua da Assunção tem a capacidade de cerca 28 pessoas na sala e 30 na esplanada e está aberto de terça a domingo, das 12h às 22h, e o da Rua do Arsenal está aberto todos os dias da semana, de domingo a quarta das 12h às 22h, e de quinta a sábado até às 22h, e pode receber cerca de 40 lugares sentados. O preço médio por refeição, sem bebidas incluídas, poderá rondar os 15 – 20€.