Uma casa de charme em Palmela

A zona de Palmela contou desde sempre de atractivos para o relax seja pela sua beleza natural como pela gastronomia. Agora, temos mais um motivo para visitar, a Casa de Atalaia, um turismo de habitação, localizada no coração da vila de Palmela, a 35 km de Lisboa , tendo começado a sua actividade numa velha adega nos anos 40 do séc. XX. Após a sua requalificação, assume-se, hoje, como uma casa de charme onde os seus hóspedes aliam a sua estadia num local mágico com vista directa para o castelo de Palmela com os vinhos produzidos pela marca e a deliciosa gastronomia da zona.

Manuel Thomé Lopes Júnior, avô da actual proprietária, foi o precursor que impulsionou a actividade vinícola familiar. Compra a casa em 1926 e constrói a sua adega no rés-do-chão da mesma, ficando o 1.º andar como sua habitação. No início dos anos 40, sentindo que a adega já não lhe era suficiente, comprou um edifício em frente, à época um lagar de azeite, e fez as adaptações necessárias à actividade do vinho, construindo depósitos e lagares. Quatro décadas mais tarde, a adega foi sujeita a outras obras para a modernizar, juntamente com Isidoro Augusto Atalaia, o seu genro.

Após obra de adaptação do edifício principal a esta nova realidade, todos os elementos estruturais que caracterizavam, outrora a adega, foram postos a descoberto. Destacam-se, assim, as arcadas, construídas com pedra da região – com idade geológica de cerca de 20 milhões de anos -, onde se podem observar alguns fósseis (característicos do Miocénico); o mesmo acontece relativamente a duas abóbadas que foram descobertas em obra. Hoje em dia, o edifício principal passou a ser uma casa de charme que sugere percursos vários, através dos seus terraços e pátios, com paisagens diversas e recantos a descobrir todos virados para a Mata de Palmela e o seu magnífico castelo. No interior, a decoração concilia o contemporâneo com outras peças mais antigas, que a família guardou.

A casa conta com 4 quartos , todos eles devidamente equipados e com acesso ao Wi-Fi por toda a casa. Estes 4 quartos têm o nome de monumentos emblemáticos da vila de Palmela, começando logo à entrada no piso térreo existe o quarto do Chafariz, seguido pelo Pelourinho e igreja Matriz, situados no 1.º piso e, por fim, o Arrabalde, o quarto que fica no piso mais lato da casa, o qual coincide com o nome do bairro imediatamente junto ao castelo.

Em suma, é a Casa de Atalaia, convidativa e acolhedora, é a solução ideal para uma pausa tão prolongada quanto possível.

No outro lado da rua, temos a Adega Casa de Atalaia, que hoje em dia, após obras de requalificação apresenta-se como um espaço de memória que nos mostra, através de visita guiada, os vários processos inerentes à vinificação.

Foi-lhe conferida novas vivências para múltiplas ocasiões com inúmeras vertentes, entre as quais: casamentos, festas temáticas, kick-offs de empresas, almoços e/ou jantares vínicos, entre outros. Junto ao tegão existe, agora, uma loja onde poderá adquirir os vinhos Casa de Atalaia e algumas iguarias típicas da região da Península de Setúbal. Para os amantes do vinho, a Adega contará, igualmente, com algumas iniciativas ao longo de 2018.