O aroma das manhãs gloriosas

Em 2016, a Maison Louis Vuitton entrou num novo território criativo: o dos aromas. Sete fragâncias singulares tiveram origem. Sete composições criadas como convites para uma viagem. Sete concentrados repletos de emoção, compostos em Grasse, na Les Fontaines Parfumées, o atelier criativo de Jacques Cavallier Belletrud, Louis Vuitton Master Perfumer.

Hoje, esta colecção de perfumes únicos recebe uma criação sem precedentes. Criada por Jacques Cavallier Belletrud, esta fragância irradia um optimismo luminoso. O nome desta celebração olfatória: Le Jour Se Lève.

Ele atravessa o horizonte. Aparecendo por trás de montanhas, por entre galhos de árvores, ao longo do oceano ou de um deserto arenoso. A luz crua, fresca, dos primeiros raios da manhã, que sempre pareceu milagrosa. À medida que se levanta ao amanhecer para embarcar em novas aventuras, é nascer de uma energia optimista.  O sol que atravessa a noite, finalmente revelando a promessa de uma nova página nítida. Uma nova história à espera de ser escrita. Um ciclo eterno. Um movimento invencível.

É este preciso instante, mesmo antes da partida, que o perfumista  Jacques Cavallier Belletrud queria captar. Uma frescura confortante, gentil e radiante.

Enquanto que a tempuratura ainda está a descer e a noite não se ergueu sobre uma terra encharcada em orvalho, os raios do sol começam a aquecer a pele. Para captar esta passagem das sombras para a luz, Jacques Cavallier Belletrud escolheu um dos seus ingredientes favoritos: a tangerina. Uma fruta que devora o sol e possui uma inocência ainda mais facetada do que a sua fragância prima, bergamota. “A tangerina é um cítrico maravilho porque é possível de difundir simultaneamente através do optimismo dos seus gomos, da frescura da sua casca e do aspecto floral da sua árvore”, explica o perfumista.

Sempre visionário, Jacques Cavallier permite que a nota cítrica desafie as expectativas: “ao contrário dos outros frutos cítricos, a tangerina não forma a estrtura da colónia”, comenta. Para repensar esta frescura enquanto elemento inabalável, Jacques Cavallier Belletrud escolheu Jasmine Sambac. Uma flor da China que é na verdade da mesma variedade utilizada em chás verde na Ásia. Este precioso e refinado ingrediente aparece já em vários perfumes na colecção da Louis Vuitton. Uma impressão líquida desta flor envolve a fórmula, que envolve pétalas de magnólia, a planta osmanthus e groselha-negra.

Depois, como os raios que aquecem o horizonte e iluminam o céu com tons pastéis, Le Jour Se Lève traz um sorriso aos lábios. Inspira quem o utiliza a acordar cedo e a definir novos horizontes. E a procurar a promessa da aventura até ao novo anoitecer.

Apresentado na mesma embalagem icónica da colecção colecção de perfumes da Louis Vuitton, esta nova composição tem as mesmas características visuais. Uma cor subtil evoca a inspiração da fragrância.

As garrafas da colecção Les Parfums Louis Vuitton não são objectos perecíveis, mas sim desenhadas para serem mantidas e até passadas a gerações seguintes. Por isso, é possível voltar a enchê-las em qualquer loja Louis Vuitton. Cada uma contém as chamadas “Perfume Fountains”, especificamente desenvolvidas para estas garrafas. Em poucos segundos, uma garrafa vazia é cheia com perfume sem qualquer contacto da fragrância com o exterior, numa espécie de cápsula futurística. Esta é também uma forma de prestar homenagem a Les Fontaines Parfumées, o atelier criativo de Jacques Cavallier Belletrud em Grasse, onde há um século atrás era possível fazer refill das embalagens directamente na origem.

Travel Bottle

Desenhada para qualquer tipo de viagem, o travel set inclui uma garrafa de 7.5ml e quatro recargas. Estes modernos refills são magnéticos e encaixam intuitivamente na garrafa. Em menos de um segundo, a embalagem de viagem está preparada para a aventura.

Le Jour Se Lève estará disponível a partir de 15 de Março em lojas seleccionadas Louis Vuitton.