BR-X1 Chronograph Tourbillon Sapphire – Bell&Ross

Inspirado na instrumentação aeronáutica, fiel aos valores e às tradições da Bell & Ross, mas com uma concepção totalmente revolucionária, o BR‐X1 foi revelado em 2015 numa versão espetacular: Chronographe Tourbillon.

Agora, a Bell & Ross ultrapassa as fronteiras do universo da alta relojoaria criando um excecional BR‐X1 CHRONOGRAPH TOURBILLON SAPPHIRE. Um relógio completamente transparente que associa os códigos fundamentais da marca a um requinte técnico e estético de vanguarda.

O BR‐X1 CHRONOGRAPH TOURBILLON SAPPHIRE, totalmente transparente graças à sua caixa em safira, oferece um espectáculo mágico ao expor a alma de um relógio com características únicas.

Herdeiro das técnicas de relojoaria tradicionais, mas com uma concepção e acabamentos bastante actuais, o movimento esqueletizado particularmente sofisticado permite observar uma coreografia mecânica genuína aquando da sua activação, paragem e reposição a zero da função cronógrafo.

Associando turbilhão e cronógrafo, símbolos da alta relojoaria e do carácter desportivo, respetivamente, o calibre exclusivo liga os extremos e reúne dois mundos.

A Bell & Ross foi ainda mais longe ao escolher conceber um turbilhão voador que parece flutuar com uma leveza extrema e um movimento bastante elegante do cronógrafo monobotão, cuja platina e pilares foram esculpidos a partir de um único bloco de metal.
Graças ao conceito translúcido do relógio, o olhar pode mergulhar livremente no coração da caixa e do movimento, permitindo admirar, por exemplo, a roda de colunas que se encontra no mostrador às doze horas, o ponteiro saltitante semi‐instantâneo (substituindo o tradicional ponteiro de arrasto) ou ainda o indicador de reserva de marcha de 100 horas (quatro dias) às nove horas.

Por mais requintado que seja, o BR‐X1 CHRONOGRAPH TOURBILLON SAPPHIRE pretende, antes de mais, ser um relógio de carácter reservado a amantes de performances. Os seus dois contadores de 60 segundos e 30 minutos medem tempos breves com um único gesto: as funções cronógrafo são comandadas por um botão único integrado na coroa que controla as funções Start, Stop e Reset.

Além do desempenho ao nível da relojoaria, é a utilização da safira que confere ao BR‐X1 CHRONOGRAPH TOURBILLON SAPPHIRE toda a sua raridade e beleza. Símbolo das maravilhas oferecidas por uma natureza capaz de assumir o papel de alquimista, a safira é uma pedra preciosa lendária e de domínio delicado.

Para os poetas, ilustra o paradoxo da solidez e da leveza visual. Para os cientistas, que a intitulam de corindo, trata‐se do segundo material mais duro na terra depois do diamante, praticamente impossível de riscar.

Cortar uma caixa de relógio num bloco de safira representa um desafio técnico e implica um processo particularmente exigente. Para tal, são necessárias longas horas de trabalho e polimento e um know‐how profundo. Tanto mais que o conjunto da caixa do BR‐X1 CHRONOGRAPH TOURBILLON SAPPHIRE é concebido a partir de seis blocos de safira cuidadosamente cortados antes de serem delicadamente montados com parafusos, com a maior das precisões.

Mas, em última instância, tanto para os mestres relojoeiros Bell & Ross quanto para os amantes da relojoaria de excepção, a complexidade de construção deste relógio é esquecida face ao fabuloso resultado representado por uma transparência perfeita.

Através da sua caixa de safira quase invisível, este relógio consegue a proeza de tornar os segredos do tempo visíveis…