ModaLisboa Kiss – Runway – Day 3

Nadir Tati

A VOZ DE ANGOLA

A voz de Angola é o tema da colecção outono/inverno 16/17 de Nadir Tati. Delicada e refinada, esta colecção foi inspirada na situação actual da mulher Angolana no mundo. Uma colecção sublime de vestidos de noite dourados e vermelhos trabalhados ao detalhe. Com alguns coordenados também para homem.

Nadir Tati “transporta” para o mundo toda uma história africana que passa por um processo de Identidade e afirmação de um continente que acompanha cada vez mais o mundo num processo de globalização. Drapeados, bordados, transparências, rendas e tecidos africanos dão corpo a esta obra criativa de Nadir Tati.

Filipe Faísca

Dino Alves

NOVOS REIS

É no mínimo irónico, numa época de crise, sobretudo económica, ter como fonte de inspiração um universo faustoso, onde a riqueza, o luxo e a ostentação são condições de vida de uma classe alta, com património familiar e linhagem nobre, regidos por valores tradicionais, ainda que muitas vezes denunciem alguma hipocrisia.

É também esta ironia que permite ao designer nesta coleção partir deste universo para criar uma espécie de nova classe social, onde não serão os bens materiais, os palácios, os nomes pomposos de família, as joias, nem as coroas de pedras preciosas, que lhes conferem o título de realeza, mas sim a riqueza do seu carácter, a nobreza das suas atitudes e acções, a solidariedade para com os mais desfavorecidos, o valor e integridade enquanto seres humanos que farão deles Os Novos Reis.

Luis Carvalho

COLD AS ICE

Com inspiração nas paisagens nórdicas mais gélidas, surge a colecção de outono/inverno 16/17.

As formas do gelo e cristais sugerem linhas mais retas e volumosas para a silhueta, detalhes e padrões, enquanto que a tranquilidade e o silêncio destes locais vão originar formas mais leves e fluidas.

Na silhueta encontramos um contraste entre peças mais práticas com peças mais clássicas.

Da pureza destas paisagens nasce a paleta de cores, em tons de branco, rosa pálido e cinzentos. Cristais de gelo inspiram o beringela e o preto.

As matérias-primas variam entre cupros, lãs, pelos e algodão.