O vinho alentejano e a sua raça

VINHAS VELHAS TC_garrafas finais

O vinho alentejano sempre a encantar-nos e proporcionar-nos uma vida sempre cheia de primavera. Tiago Cabaço, produtor de vinhos da região de Estremoz desde 2004, apresenta Tiago Cabaço Vinhas Velhas Tinto 2012 e Tiago Cabaço Vinhas Velhas Branco 2013.

A primeira edição de dois vinhos que conjugam a excelência do terroir e vinhas com mais de trinta anos, com a personalidade e visão refrescada de um produtor da nova geração. Vinhos que transportam qualidade, inovação e dão corpo à nova imagem do produtor, recentemente reformulada. Um lançamento que marca um novo ciclo para Tiago Cabaço e reforça o posicionamento e excelência do seu portfólio.

A nova imagem apresentada pelo produtor assume a assinatura Tiago Cabaço, a qual passa a ser transversal a todas as suas referências, excepto na gama blog que se mantém com uma identidade própria. Além da assinatura, o traço arquitectónico da adega, localizada em Estremoz, é transferida para os rótulos, criando através deste elemento uma ligação entre o vinho e o local onde é produzido, despertando o consumidor para outro lado sensorial que está para além do vinho. O novo design tem como objectivo reforçar a aposta qualitativa levada a cabo pelo produtor ao longo do seu percurso.

Tiago Cabaço Vinhas Velhas tinto 2012 – Resulta da conjugação de três tradicionais castas alentejanas, Aragonez, Alicante Bouschet e Trincadeira. Um vinho que apresenta um equilíbrio surpreendente entre acidez e taninos, resultado da excelência do terroir. A tradicional técnica de pisa a pé, assim como a maturação em barricas de carvalho francês, permitiram expressar no vinho uma cor intensa e um delicado aroma.

Tiago Cabaço Vinhas Velhas branco 2013 – As castas Roupeiro, Arinto e Antão Vaz predominam neste vinho, que se assume elegante, fresco e mineral. A maturação lenta permitiu alcançar um equilíbrio exemplar entre o álcool e a acidez, resultando num final de boca vibrante e robusto. É uma boa opção para um almoço primaveril.

Vinhos sedutores e sérios, modernos no estilo e na forma mas profundamente alentejanos no carácter.