Nova marca bem portuguesa

Meia-bota Mário

A colecção Outono/Inverno 14|15 da Najha é inspirada no gosto da designer da marca pela natureza, caminhadas e viagens, intitulando-se Florestas do Mundo. Sendo a cortiça a matéria-prima de excelência desta marca portuguesa, a colecção foi beber à sua essência. Assim, com a floresta como pano de fundo, a paleta de cores desdobra-se entre o verde da vegetação, o azul do céu e da água, e o castanho da terra e da cortiça.

O padrão florido exclusivo, conjuga na perfeição todos estes elementos naturais. Partindo de um dos conceitos de moda que mais seduz a Designer, o Dandismo, a colecção apresenta modelos inovadores para homens e mulheres com gostos requintados, que se destacam pela sua elegância. Com forte foco nos homens e mulheres que usam peças peculiares, com uma sensualidade extrema e uma elegância irresistível.
A Najha nasceu com uma missão: Mudar o Mundo. Criada por Daniela Sá em 2006, em 2010 deu vida a este projeto. Dedicada inicialmente apenas à criação de carteiras, hoje a Najha oferece também calçado, cintos e chapéus.
A Najha surge da junção de dois conceitos principais: moda e cortiça, conferindo-lhe uma filosofia eco-frendly única. Trabalhados diariamente para que a marca se mantenha fiel a si própria e transmita a consistência de identidade pretendida, a Najha assume-se não apenas como uma marca, mas como uma identidade única, com espírito e filosofia próprios.

Esta simbiose foi reconhecida pela Revista de Moda Inglesa Drapers, em 2012, quando Daniela Sá foi nomeada para a categoria de “Best Designer of the Year – Accessories”.
O crescimento rápido e consistente da marca, bem como o know-how adquirido, trouxeram o reconhecimento da Najha no mercado nacional e internacional, estando presente em Espanha, Itália, França, Canadá, México, China e Hong Kong.

Este crescimento e visibilidade reforçam responsabilidades ambientais e sociais, com uma constante procura por materiais ecológicos, que permitam a sustentabilidade do Planeta – o poder de Mudar o Mundo.
Em Setembro de 2013, inerente à responsabilidade social da Najha foi estabelecida uma parceria com a “Viver100fronteiras”, uma ONG da Guiné Bissau, com trabalho de mérito e excelência reconhecidos, desde a intervenção social e cultural, passando também pelo apoio a meios hospitalares. Por cada Najha vendida, é doada uma percentagem para o desenvolvimento deste projecto.