Évora tem mais um encanto

Cada vez a expressão que um país é mais que a sua capital tem razão de ser na conjuntura actual. Sair de Lisboa é cada vez um prazer nesta época de verão. Encontrar novos sítios e locais de ócio e boa mesa.

Na passada semana, fomos conhecer a nova aposta da Fundação Eugénio de Almeida em pleno centro da cidade de Évora. Depois de uma visita às caves (antiga casa dos jesuítas) e envolvida nesta história religiosa de Évora e seus conventos, rumamos à enoteca.

Fomos encontrar uma cidade plena de turistas de várias nacionalidades, Brasil, Japão, USA e muitos outros. Atraídos, sem dúvida, pela beleza monumental mas também pela tradição gastronómica. Neste contexto, o novo projecto será uma mais valia para quem quer escapar e ser turista em terra alheia.

Na Enoteca Cartuxa, onde se dá primazia aos vinhos da Fundação Eugénio de Almeida, está também em destaque a gastronomia alentejana, com uma carta diversificada tendo por base os sabores e produtos alentejanos. Neste espaço, que privilegia os produtos da terra, haverá lugar para diferentes petiscos e pratos mais elaborados. Nesta Enoteca procura-se fazer uma perfeita harmonização entre os vinhos da Adega Cartuxa e a gastronomia.

Aqui a técnica da cozinha é contemporânea, mas com uma abordagem à essência da cozinha alentejana. Há dois pequenos pormenores: os doces têm menos açúcar do que as receitas tradicionais e nos pratos de sustento dá-se destaque às ervas aromáticas. Mas há mais. Todos os vinhos estão disponíveis a copo.

A Enoteca Cartuxa, tem ainda um espaço de loja, onde pode encontrar queijos, mel, enchidos, ervas de cheiro e, claro, os vinhos produzidos na Adega Cartuxa e os azeites do Lagar Cartuxa. Todas as referências de vinhos, licorosos, espumantes e azeites estarão à disposição do visitante. Na carta de vinhos terá também a possibilidade de provar as diferentes referências da Adega Cartuxa a copo.

O espaço, descontraído e com atendimento personalizado e profissional, prima por uma decoração contemporânea, mas recheado de apontamentos da cultura ancestral alentejana.

A Enoteca Cartuxa foi pensada ao detalhe. As cores, a decoração, o mobiliário, a iluminação, os detalhes. As ilhas para exposição e venda de vinhos, os armários, as gavetas são feitas com caixas de vinho. Os copos são da prestigiada marca austríaca Riedel. Os talheres são da Cutipol, as louças a imitar as porcelanas antigas das tabernas são da Vista Alegre. A cortiça serve de base para a colocação dos talheres e a ementa é-nos oferecida sobre uma tampa em madeira de uma caixa individual de vinho.

A equipa, jovem e simpática, apresenta uma indumentária descontraída, com calças de ganga e avental vermelho (à semelhança da cor da Cartuxa) e ténis encarnados da All Star.

Na Enoteca Cartuxa, a cultura do vinho e a cultura alentejana estão sempre presentes. A Enoteca divide-se em vários espaços, ligados entre si. A sala de entrada com o grande balcão corrido, onde pode satisfazer o apetite sentado em altos bancos de madeira, a sala da loja, a esplanada, a esplanada das vinhas, a sala das ilhas, com as diferentes referências de vinho da Adega Cartuxa e balcões corridos. A sala semi-exterior que pode ser reservada para grupos.

«Quisemos criar um espaço onde as pessoas de Évora e aquelas que nos visitam encontrem um serviço de excelência, mas que se identifiquem com a forma simples de viver no Alentejo. Neste Enoteca Cartuxa fazemos uma recriação da gastronomia alentejana», esclarece José Ginó director comercial e de marketing da Adega Cartuxa, Fundação Eugénio de Almeida.

E acrescenta: «este é um espaço suficientemente democrático para que as pessoas possam dele usufruir. Um sítio onde se pode encontrar elegância e simplicidade. Um espaço aberto à cidade e ao mundo».

Na loja pode adquirir, para além dos vinhos da Adega Cartuxa, azeite do Lagar da Cartuxa, presuntos e enchidos produzidos nas herdades da Fundação Eugénio de Almeida, artigos como sabão de leite de burra, bolachas, chocolates com recheio de vinho, ervas aromáticas, compotas, queijos, e muito mais.

Num dos pátios, com mesas altas, há sombra de videiras ancestrais trazidas em grandes vasos para aqui. Não falta uma simpática esplanada em pleno centro histórico.

Morada:

Enoteca Cartuxa – Rua Vasco da Gama, nº15

700-041, Évora

Tel. 266 748 348

enoteca.cartuxa@fea.pt

Serve almoços, lanches e jantares.

Encerra ao domingo

Aceita grupos (espaço próprio em mesas corridas)